}
Notícias do setor

Eixos suspensos em caminhões carregados começam a ser cobrados na Fernão Dias

07/06/2024

Olá, meninas! Como já falamos antes, agora a cobrança de eixo suspenso começou na rodovia Fernão Dias. De acordo com a Lei Federal 13.103/2015, a Arteris Fernão Dias começou a cobrar tarifa de pedágio de eixos suspensos em caminhões carregados que circularem pelo trecho 562,1 KM da BR-381, entre os municípios de São Paulo (SP) e Belo Horizonte (MG).

A partir de 06 de maio de 2024, a verificação de cada veículo é feita automaticamente pela placa, através das câmeras nas praças de pedágio. Ao passar pela pista, a placa é lida pelo sistema que, integrado às plataformas das Secretarias da Fazenda Estaduais (SEFAZ), identifica a existência de Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e) em aberto. Em caso positivo, mesmo que o veículo tenha algum eixo suspenso, a cobrança é feita pela totalidade de eixos do veículo, independentemente se estiverem tocando o solo ou não.

O MDF-e é um documento fiscal eletrônico que traz informações sobre a origem, o destino e os tipos de produtos transportados registrados na SEFAZ de cada estado. Conforme a legislação, somente veículos vazios ou sem MDF-e aberto estão isentos da cobrança da tarifa sobre eixos suspensos, ou seja, que não tocarem o solo.

A Arteris também menciona que as verificações podem ser feitas remotamente com sistema integrado de monitoramento e câmeras com inteligência artificial, inclusive por meio de postos de pesagem, com o apoio de agentes do Policiamento Rodoviário sempre que necessário. 

Com esta nova tecnologia, caminhões e implementos que circularem carregados, mas com eixos suspensos, não conseguirão evitar a fiscalização para reduzir os custos com pedágio. Já veículos de carga vazios, ou sem Manifesto aberto, seguirão isentos da tarifa sobre eixos que não tocam o solo, conforme a legislação.

Com esta nova medida em vigor na rodovia Fernão Dias, fica mais fácil garantir o ajuste na cobrança de pedágio, evitando possíveis evasões. Agora, caminhões carregados terão que se adequar às regras, contribuindo para a manutenção e as melhorias da via. 

Mulheres motoristas, fiquem atentas às regulamentações evitem transtornos, garantindo um trânsito mais seguro e justo para todos!
 

Fonte: Caminhões e Carretas

0 Comentários